A nova mini série do canal History Channel, Roots, é um remake da mini série de mesmo nome de 1977 e é um retrato histórico da escravidão americana, contando a jornada de uma família e sua vontade de sobreviver e, finalmente, levar adiante o seu legado, apesar de dificuldades. A série estreou na segunda-feira (30) nos Estados Unidos e terá mais três episódios que acontecerão nas noites consecutivas.

A série está sendo muito elogiada por muitos crítica, mas nem todo mundo está gostando dessa volta de Raízes, o rapper Snoop Dogg tomou uma posição contra a série e manifestou todo o seu desagrado em um post no Instagram, em que ele pediu aos fãs para não assistirem a volta do clássico show, boicotarem mesmo.

Message ?????

A video posted by snoopdogg (@snoopdogg) on

“Como diabos eles vão lançar ‘Roots’ no Memorial Day? Eles vão apenas continuar batendo essa merda em nossas cabeças de como eles fizeram, né? Eu não entendo América. Eles só querem continuar mostrando o abuso que sofremos centenas e centenas de anos atrás. Mas, adivinhem? Nós sofremos o mesmo abuso”

Para quem desconhece o Memorial Day é um feriado nacional americano, última segunda-feira de maio, em que se homenageia os militares americanos que morreram em combate.

O Rapper continua…

“Quando todos vocês irão fazer uma série sobre a merda do sucesso que os negros estão tendo? O único sucesso que temos é ‘Roots’ e ’12 Anos de Escravidão’ e merdas como essa, hein? Foda-se vocês todos. Eu não vou assistir essa merda. Fodam-se esses programas de televisão. Vamos criar a nossa própria merda com base no hoje, como vivemos e como nós inspiramos as pessoas hoje em dia.”

Concordam com a opinião do cantor? Eu acredito que obras como Roots são importantes para que a história nunca se repita novamente, mas acho que ele tem um pouco de razão quando diz que não fazem tantas obras com os negros com sucesso…

O que acham?

Trailer de Raízes:

Sinopse: Com roteiro de Lawrence Konner (Boardwalk Empire, Magic City), Mark Rosenthal, Alison McDonald (Nurse Jackie) e Charles Murray (Sons of Anarchy), a história acompanha Kunta Kinte (Malachi Kirby), um africano capturado no final da década de 1760 e vendido nos EUA como escravo a um fazendeiro de Maryland. Lá, ele recebe o nome de Toby e é posto sob a guarda de Fiddler (Forest Whitaker, de Criminal Minds: Suspect Behavior, The Shield), outro escravo, que tem a missão de ensinar-lhe inglês e as regras de como se comportar. Após várias tentativas de fuga, passando por castigos cada vez piores, Kunta aceita sua nova situação.